//Bloqueador de Selecao - iceBreaker http://www.icebreaker.com.br/ function bloquear(e){return false} function desbloquear(){return true} document.onselectstart=new Function ("return false") if (window.sidebar){document.onmousedown=bloquear document.onclick=desbloquear}

Quem sou eu

Minha foto
"Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento." "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, Depende de quando e como você me vê passar." Tudo da Clarice Lispector

segunda-feira, 4 de junho de 2012


Estou exausto, não tenho forças para nada, não tenho animo para nada, não tenho vontade de nada. É tão ruim quando passamos por momentos de tormentas, e parece que quando mais afogados nós estamos, mas as coisas vêm e nos magoam, ferem e nos afogam mais!

Hoje, pela primeira vez eu gostaria de voltar no tempo, reescrever uma parte da minha história, não minhas escolhas, mas sim a maneira como elas são contadas, hoje pela primeira vez eu quero me enfiar na cama e só sair dela quando essa tempestade passar, hoje pela primeira vez eu preciso de alguém.

Sempre fui meio autossuficiente, meio independente, mas dessa vez eu não sei o que fazer. Não sei como fazer, eu sei lá eu só quero descansar.

Preciso dormir, faz duas semanas que eu não consigo dormir, faz duas semanas que sou um zumbi, faz duas semanas que eu quero me teletransportar, pra um lugar onde não haja problemas, um lugar onde minha cabeça fosse esvaziada para que eu pudesse dormir.

Eu preciso de paz, não fiz mal nenhum a ninguém e não entendo o por que desse sofrimento, dessa angustia. As coisas são simples mas tudo tende a se complicar.

Eu não falo mais, do que é passado. Isso ainda dói. Isso me destrói. Eu não falo mais, meu coração está mudo. Eu já compreendi, eu estrago tudo. Lamento se não sei viver de mentiras, lamento se eu achei que podia confiar, lamento, só lamento.

Perdoem-me, mas eu não falo mais... Aqueles que me amam, me ajudem.... Eu estou exausto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário